Concurso Cartório MT: Comissão Formada! - Notícias CERS

Concurso Cartório MT: Comissão Formada!

Por:
Atualizado em 06/05/2022 - 10:23
cartório MT
Concurso Cartório TJ MT

Atenção, concurseiros! Foi formada a comissão para o concurso Cartório MT! Próximo passo será a definição da Banca organizadora do certame.

Saiba mais sobre o concurso.

Comissão do Concurso

Foram indicados os seguintes membros para a respectiva Comissão:

Titulares:
Presidente: Desembargadora Clarice Claudino Da Silva;
Juízes De Direito: Doutora Edileuza Zorgetti Monteiro Da Silva, Doutor Eduardo Calmon De Almeida Cezar E Doutor Jones Gattass Dias.

Suplentes: Desembargador Rui Ramos Ribeiro E Doutora Adair Julieta Da Silva. Os demais membros serão indicados pela Procuradoria Geral Da Justiça e pelo Presidente Da Ordem Dos Advogados Do Brasil – Seccional Mato Grosso.

Resumão do Certame

Concurso: Cartório MT
Banca organizadora: A definir
Vagas: A definir
Período de Inscrições: A definir
Status: Comissão Formada

Confira o panorama de Concursos para Área!

Requisitos do Cargo

Aqueles que quiserem participar do concurso devem ser bacharéis em direito ou terem exercido atividade notarial ou registral por pelo menos 10 anos completos até o início das inscrições.

Último Concurso Cartório MT

O último concurso foi realizado em 2013, pela Fundação Escola Superior do Ministério Público do Rio Grande do Sul (FMP Concursos).

Etapas do Último Concurso

Inscrição preliminar (eliminatória);
Prova objetiva (eliminatória);
Prova escrita e prática (eliminatória e classificatória);
Inscrição definitiva (eliminatória);
Prova oral (eliminatória e classificatória);
Prova de títulos (classificatória).

Prova Objetiva

No último concurso Cartório MT a prova objetiva contou com 100 questões de múltipla escolha, cada uma com 5 alternativas, das quais apenas uma estaria correta. Cada questão vale 0,1 pontos, portanto, a prova valia de 0 a 10, devendo o candidato obter pelo menos 5 pontos para ser aprovado. As questões estavam distribuídas da seguinte maneira:

Registros Públicos — 18 questões
Direito Constitucional — 12 questões
Direito Administrativo — 12 questões
Direito Civil — 12 questões
Direito Tributário — 10 questões
Direito Processual Civil — 8 questões
Direito Comercial — 8 questões
Direito Penal — 8 questões
Direito Processual Penal — 8 questões
Conhecimentos Gerais — 4 questões
A prova teve duração de 5 horas.

Prova Escrita e Prática

Também tendo 5 horas de duração, foi aplicada uma prova escrita e prática para todos os candidatos aprovados na prova objetiva. Essa prova valia 10 pontos ao todo, sendo, contudo, dividida em 1 dissertação (3 pontos), uma peça prática (3 pontos) e 4 questões discursivas (1 ponto cada). Os candidatos também tiveram que obter pelo menos 5 pontos nessa prova para serem aprovados.

Prova Oral

Feita em sessão pública, cada examinador deveria questionar os candidatos por até 15 minutos, atribuindo nota de 0 a 10, a nota final era determinada por média aritmética, devendo o candidato obter pelo menos 5 pontos para ser aprovado.

Tags relacionadas: