Advocacia na prática: o que não fazer em uma audiência online. Confira! - Notícias CERS

Advocacia na prática: o que não fazer em uma audiência online. Confira!

Por:
Atualizado em 07/05/2021 - 12:48
advocacia-na-prática

Olá, Advogados e Advogadas!

Devido à pandemia do coronavírus (COVID-19), a audiência online tornou-se uma alternativa para evitar que os processos sejam paralisados. Apesar desse tipo de audiência já era regulamentada desde 2010, pelo CNJ, através da Resolução 105, a pandemia fez com que ela se popularizasse ainda mais.

Para realizar uma audiência online, juízes, advogados e partes devem seguir certas regras estabelecidas pelo CNJ. Além disso, é importante ter cuidado durante uma videoconferência para evitar o cometimento de gafes ou enfrentar problemas durante a sua arguição.

Nesse post, iremos apontar o que você não deve fazer em uma audiência online.

1 – Não entre na audiência com uma conexão ruim.

Em uma audiência online, é imperativo que você se certifique que sua conexão é veloz e não irá ficar travando ou caindo. Então, o primeiro passo é contratar uma conexão muito boa (lembre-se que é seu instrumento de trabalho) ou ir a um local que possua a conexão que lhe permitirá participar da audiência com fluidez e qualidade.

Como nem sempre a sua internet de casa não está com o wifi funcionando 100%, por vezes pode ser melhor rotear seu 4G de seu celular para seu computador, que pode até ser mais rápido e estável do que a conexão sem fio de sua casa.

2 – Mantenha a sua atenção durante toda a audiência.

Imagine você aproveitar um momento durante a audiência para checar as notificações de seu celular, acreditando que nada ocorreria naquele momento, no entanto, uma pergunta é feita para você.

Por ser online, é mais fácil perder a atenção. Não faça isso! Sua atenção deve estar voltada para todos os atos que ocorrerão na audiência para uma melhor performance e defesa do seu cliente.

3 – Não conhecer a ferramenta.

Para participar de uma audiência online, é necessário o uso de determinada ferramenta que possibilitará o encontro online. Você, como advogado, precisa estar a par das funcionalidades dessa ferramenta e saber manejar ela durante a audiência para que a audiência seja fluida.

Atualmente, as ferramentas mais utilizadas são o Zoom e o Google Meet.

4 – Não entre sem as devidas vestimentas.

Não é por que a audiência é online que a formalidade do Direito deve ser esquecida. Então, nada de roupas inadequadas para a situação. Você deve se vestir e se portar como se estivesse em uma audiência presencial.

Essas dicas serão essenciais para garantir que você faça uma excelente audiência que, somadas a uma boa tese, garantirão o sucesso do seu processo!

Gostou das dicas? Então continue no tema e descubra se você está inserido na advocacia 4.0.

Vamos juntos!

Tags relacionadas: