Doutrina e Jurisprudência na Segunda Fase de Concursos - Notícias CERS

Doutrina e Jurisprudência na Segunda Fase de Concursos

Entenda como direcionar sua preparação para a segunda etapa de certames públicos com o estudo adequado da doutrina e jurisprudência pertinentes.

Por:
Atualizado em 17/03/2020 - 09:39
Doutrina e Jurisprudência na Segunda Fase de Concursos

Já parou para pensar como estudar Doutrina e Jurisprudência na Segunda Fase de Concursos?

Trata-se de uma das etapas mais desafiadoras nas principais carreiras jurídicas (tais como delegado, juiz, promotor, defensor público etc.).

Confira as dicas do professor Rodrigo Perin sobre o assunto!

Além disso, reunimos aqui valiosas dicas de como estudar adequadamente Doutrina e Jurisprudência na Segunda Fase de Concursos. Confira!

Antes de tudo, foque em ser aprovado na primeira fase

Não há que se falar em preparação para a segunda fase se você não superar a primeira etapa do certame público almejado.

Portanto, antes mesmo de planejar a preparação para a segunda etapa do concurso, concentre seus esforços em ser aprovado na prova objetiva.

 

Passei na primeira fase, e agora?

Uma vez aprovado na primeira etapa do certame público dos sonhos, celebre esta conquista!

No entanto, considerando que o período compreendido entre a prova objetiva de primeira fase e a(s) prova(s) discursivas(s) de segunda fase é curto, inicie rapidamente sua preparação para esta etapa, focando nas dicas a seguir!

 

Material e método de estudo utilizados na 1ª fase

Ao ser aprovado na prova objetiva, não cometa o equívoco de descartar todo o material de estudos nela utilizado.

Pelo contrário, mantenha-se alinhado aos seus materiais de estudo, se atentando aos assuntos que você não estudou ou que não obteve um bom desempenho na primeira fase.

Por outro lado, assim como você resolveu muitas questões semelhantes na sua preparação para a prova objetiva, invista tempo na resolução de provas anteriores.

Aliás, trate esse momento com o máximo de seriedade possível, como se estivesse resolvendo a sua prova de segunda fase.

Isso o ajudará a se habituar com o tempo para a resolução das questões discursivas (práticas e de peças processuais), que serão objeto de avaliação na segunda fase do seu certame.

 

Doutrina e Jurisprudência na Segunda Fase de Concursos

É notória a relevância do domínio da legislação aplicável para a segunda etapa dos certames públicos.

No entanto, é imprescindível conhecer a fundo a doutrina majoritária e da jurisprudência dos Tribunais Superiores nessa etapa.

Isso porque tratam-se de fontes do conhecimento jurídico cuja abordagem requer elevado grau de domínio por parte do candidato.

Invista, portanto, tempo na revisão da bibliografia e dos doutrinadores indicados no edital do seu certame.

De igual forma, atente-se aos posicionamentos jurisprudenciais do STF e do STJ, notadamente nos entendimentos recentemente consolidados nestas Cortes.

Outra dica é fazer a leitura dos enunciados das súmulas dos Tribunais Superiores acima mencionados de maneira separada por disciplina.

Isso porque as questões discursivas costumam trazer no espelho de correção a indicação dos entendimentos sumulados aplicáveis.

 

Conheça os membros examinadores de sua banca

Tendo em mãos (digitalmente, inclusive) o edital do seu concurso, atente-se para os membros da comissão organizadora do certame.

Ato contínuo, conheça o perfil de cada um deles, tal como obras publicadas e trabalhos científico-acadêmicos produzidos.

Muitas vezes, os examinadores mantém-se fieis à sua linha de pensamento (presente em um livro ou artigo científico de sua autoria, por exemplo) no momento de elaborarem as questões discursivas.

Isso facilitará a identificação da doutrina mais assertiva e das jurisprudências mais abordadas pelos membros examinadores em sua segunda fase.

 

Estude com profissionais da sua respectiva área

Se você se prepara para a segunda fase de um concurso da magistratura estadual, por exemplo, recomenda-se uma preparação com juízes estaduais.

Tais profissionais sabem como utilizar, adequada e eficientemente, Doutrina e Jurisprudência na Segunda Fase de Concursos na sua respectiva área.

Além disso, procure manuais de Direito produzidos por integrantes da sua carreira específica; muitos deles, aliás, possuem obras direcionadas às questões discursivas, tanto para a confecção de peças processuais quanto para a resolução de casos práticos.

 

Você já conhece as Rodadas de Simulados do grupo CERS+AdVerum?

Percebeu a importância das dicas sobre como utilizar e estudar Doutrina e Jurisprudência para a 2ª fase de certames?

Então, é hora de conhecer as Rodadas de Simulados do grupo CERS+AdVerum!

Trata-se de um curso que conta com simulados inéditos no exato perfil da sua prova discursiva, semanalmente disponibilizados ao aluno, que recebem um padrão de respostas comentado e uma correção individualizada de cada simulado realizado.

O curso possui, ainda, ranking com todas as notas e videoaulas com comentários dos professores.

Clique aqui e conheça melhor esse serviço exclusivo do grupo CERS+AdVerum!

 

 

Leia mais: 5 dicas para diminuir a procrastinação nos estudos!