Concurso MP GO Promotor: Divulgado o Resultado do Concurso - Notícias CERS

Concurso MP GO Promotor: Divulgado o Resultado do Concurso

Ao todo, 21 candidatos foram aprovados!

Igor Ribeiro
Por:
Atualizado em 15/07/2020 - 14:00
Banner concurso MP GO
Promotor MP GO

Atenção, concurseiros: Foi publicada a relação definitiva de aprovados no Concurso MP GO para Promotor Substituto! Ao todo, 21 candidatos foram aprovados. O concurso disponibilizava 40 vagas, isso significa que 19 vagas não serão preenchidas. Saiba mais informações sobre o concurso

Aprovados Ad Verum/CERS

Resultado do Concurso

Foi divulgado na noite do dia 14 de julho o resultado definitivo do Concurso do Ministério Público de Goiás para Promotor. O concurso que inicialmente contava com a oferta de 40 vagas aprovou 21 candidatos. Isso significa que ao menos 19 vagas não serão preenchidas e serão levadas para novo concurso. A relação dos candidatos aprovados pode ser vista logo abaixo. Além disso, o documento na íntegra pode ser acessado aqui.

Relação de Aprovados no Concurso MP GO

No caso de empate entre candidatos, este será resolvido com base, sucessivamente, em quem obteve maior média nas provas subjetivas, maior número de acertos na prova preambular, maior média nas provas orais e maior nota na prova de tribuna.

Resumão do Concurso MP GO Promotor

Concurso: Ministério Público de Goiás
Status:
 Resultado do concurso divulgado
Cargo: Promotor Substituto 
Banca: Própria
Número de vagas: 40
Número de aprovados: 21

Vagas e Remuneração

O certame oferecerá 40 vagas para o cargo de Promotor Substituto, cujo salário inicial é de R$ 28.884,20.

Fases do concurso

O certame apresenta as seguintes fases: 

a) inscrição preliminar;
b) prova preambular;
c) provas subjetivas;
d) inscrição definitiva;
e) avaliação psicológica;
f) provas orais;
g) prova de tribuna;
h) avaliação de títulos.

– Prova Objetiva

A prova preambular (1° fase) foi composta por 100 questões distribuídas nas seguintes disciplinas:

– Direito Constitucional (15 questões);
– Direito Penal e Processual Penal (30 questões);
– Direitos Difusos, Coletivos e Individuais Homogêneos (25 questões);
– Direito Civil e Processual Civil (15 questões);
– Direito Administrativo e Eleitoral (10 questões);
– Direito Tributário e Ministério Público (05 questões).

– Prova Discursiva

As provas discursivas do concurso MP GO foram aplicadas nos dias 17, 18 e 19 de janeiro. Foram 3 grupos de prova, divididos da seguinte maneira:

– Grupo I: Direito Penal, Processual Penal e Legislação Criminal Especial;
– Grupo II: Direito Civil, Direito Processual Civil, Tutela de Interesses Difusos, Coletivos e Individuais Homogêneos;
– Grupo III: Direito Constitucional, Administrativo, Eleitoral e Legislação do Ministério Público.

As questões da prova foram de natureza tanto teórica quanto prática. A duração foi de 5 horas. Além disso, foi permitida a consulta a textos legislativos sem anotações ou comentários.

– Prova Oral

Foi aplicada entre os dias 13 e 14/06, de acordo com o novo cronograma, para aqueles aprovados na avaliação psicológica. A arguição foi dividida nos mesmos grupos que a prova discursiva, que já foram mencionados anteriormente, sendo que para grupo será dado prazo de 30 minutos. Além disso, a ordem de apresentação foi definida de acordo com sorteio.

Cada examinador contou com um mapa de notas individuais, atribuindo nota entre 0 a 10 para o candidato. Portanto, a nota final da etapa foi determinada pela média aritmética das notas dos examinadores. Contudo, o candidato tinha de obter pelo menos 50% da nota (5 pontos) para ser aprovado nessa etapa.

Requisitos básicos para ingresso na carreira

I – ser brasileiro;
II – ter concluído o curso de bacharelado em Direito, em escola oficial ou reconhecida;
III – estar quite com o serviço militar e com as obrigações eleitorais;
IV – estar em pleno gozo dos direitos políticos;
V – ser detentor de comprovada idoneidade moral, no âmbito pessoal e profissional;
VI – apresentar higidez física, atestada por médicos oficiais;
VII – ser aprovado em exames psicológicos, conforme os critérios de avaliação, de reexames e de aprovação definidos no edital;
VIII – comprovar, no mínimo, três anos de atividade jurídica, na forma definida na Resolução n. 40/2009 do CNMP;
IX – ter satisfeito os demais requisitos previstos no edital.

Tags relacionadas: