Quatro dicas para melhorar o rendimento nos estudos - Portal de notícias CERS

Quatro dicas para melhorar o rendimento nos estudos

Por:
Atualizado em 06/10/2015 - 13:40

cersAlém de dedicação e estudo, a preparação para concursos públicos exige estratégia. Confira quatro dicas para ter um melhor aproveitamento de seus estudos:

 

Organização

Ninguém passa por sorte. A aprovação em concurso público é resultado de organização, disciplina, e estratégia de estudo. Defina metas possíveis de serem alcançadas e saiba de maneira simples as etapas necessárias que precisam ser cumpridas até a aprovação.

Possuir um material atualizado é fundamental. E as anotações pessoais são um diferencial. Tente escrever resumos com suas próprias palavras, sobre o que entendeu do assunto. O processo de escrever e repensar a matéria faz parte da aprendizagem. Estudar com anotações de outras pessoas ou material inadequado podem atrapalhar os estudos.

Autocontrole

A inteligência emocional não atrapalha apenas na hora da prova. A ansiedade afeta a concentração e compromete a produtividade do concurseiro desde a preparação. Se você não está tendo um bom desempenho nos estudos, nada de desespero. Reveja seu método de estudo e continue firme nos estudos.

Recorrer a livros e apostilas faltando horas para o concurso gera mais estresse do que aprendizado. Véspera e dia de prova é para o candidato relaxar, preparar-se mentalmente para a avaliação que está prestes a fazer.

Conhecimento

Cada banca examinadora tem seus “fantasmas”. Ignorar que existam estilos e orientações diferentes entre elas é um erro. O concurseiro deve saber o que a banca mais cobra, o que mais gosta e onde normalmente coloca a casca de banana. Não ler o edital é o maior e mais primário erro de qualquer pessoa que queira se dedicar a uma carreira pública.

Equilíbrio

Uma preparação de qualidade necessita de estímulos diários. Não adianta tentar estudar todo o conteúdo da prova em só dia. Apesar de um maior número de horas dedicadas ao estudo, uma rotina exaustiva diminui o rendimento, comprometendo o aprendizado de qualidade. Ultrapassar os limites pode causar desânimo e aquela sensação de estudar muito e não saber nada.

Além disso, é preciso ter também um equilíbrio entre o estudo das disciplinas. Estudar muito uma só matéria pode te fazer gabaritá-la, mas certamente não irá classificá-lo. É preferível saber pouco de muito, a muito de pouco. Na dúvida, é melhor dedicar mais tempo às matérias em que há menos domínio, e, não, o contrário.

 

Você pode se interessar por:

CURSOS PARA TRIBUNAL REGIONAL DO TRABALHO DA 9ª REGIÃO (TRT/PR) – RESOLUÇÃO DE QUESTÕES | ISOLADAS

 

Tags relacionadas:

COMENTÁRIOS