Concurso Juiz TJ MS: divulgado o gabarito - Notícias CERS

Concurso Juiz TJ MS: divulgado o gabarito

Organizado pela FCC, o certame oferece 10 vagas para o cargo Juiz Substituto, com subsídio inicial de R$ 27,363,98.

Por:
Atualizado em 12/02/2020 - 17:02
Concurso Juiz TJ MS

Atenção, concurseiros! foi divulgado o gabarito da prova objetiva do concurso Juiz TJ MS.

A seguir, confira as principais informações do certame e as atualizações anteriores!

 

Edital publicado

Foi publicado no Diário da Justiça Eletrônico do Tribunal de Justiça do Estado de Mato Grosso do Sul (TJ/MS) o edital do 32° Concurso Público para o cargo de Juiz Substituto!

O certame se destina ao provimento de 10 vagas para o referido cargo, com subsídio inicial de R$ 27.363,98. As inscrições devem ser feitas exclusivamente através do site da FCC, banca organizadora, se iniciando às 10h do dia 04/11 e se encerrando às 14h do dia 03/12, com valor de R$ 270.

Destaca-se, ainda, que a data da prova objetiva seletiva está prevista para o dia 09/02/2020.

 

Resumo do Concurso Juiz TJ MS

Status: edital publicado

Cargo: Juiz Substituto

Inscrições: 04/11 a 03/12

Taxa de inscrição: R$ 270

Data de aplicação das provas:

a) prova objetiva seletiva: 09/02/2020;

b) prova discursiva: 01/05/2020;

c) prova de sentença – cível: 02/05/2020; criminal: 03/05/2020

Confira nosso simulado gratuito!

Simulado TJMS

 

 

 

Comentando o Edital – Professor Ricardo de Sá

 

Último Concurso Juiz TJ MS

O último certame para o cargo de Juiz Substituto do TJ/MS foi organizado pela VUNESP, no ano de 2015.

O concurso foi destinado ao provimento de 25 vagas para o referido cargo, com subsídio inicial de R$ 23.512,65.

Requisitos básicos para a investidura no cargo

Ser aprovado no Concurso Público;

Ser brasileiro e achar-se em gozo e exercício de seus direitos civis e políticos;

Estar em dia com as obrigações eleitorais e, em caso de candidato do sexo masculino, também com as militares;

Possuir diploma de bacharel em Direito, expedido por Universidade ou Faculdade reconhecida pelo Ministério da Educação e Cultura, devidamente registrado;

Haver exercido, no mínimo, como bacharel em direito, 3 (três) anos de atividade jurídica, posterior à obtenção do grau de bacharel em Direito;

Ter, no mínimo, 23 (vinte e três anos) e, no máximo, 65 (sessenta e cinco) anos idade, na data de encerramento da inscrição definitiva;

Não registrar antecedentes criminais;

Estar em perfeita saúde física e mental ou, se deficiente, cumprir todos os requisitos estabelecidos pelo Edital;

Ter, na investigação procedida pelo Tribunal de Justiça do Estado do Mato Grosso do Sul, comprovados bons antecedentes morais e sociais, em adição à comprovação da saúde física e mental e características psicológicas adequadas ao exercício do cargo;

Não possuir sentença criminal condenatória transitada em julgado, não estar sendo processado criminalmente e nem ter sofrido penalidades por prática de atos desabonadores no exercício profissional;

Cumprir as demais determinações do Edital.

Etapas do último certame

O último certame contava com 5 etapas, todas de caráter eliminatório e classificatório, à exceção da última:

1ª Etapa: uma prova objetiva seletiva, contendo 100 questões subdividas em três blocos de disciplinas e com duração de cinco horas.

2ª Etapa: três provas discursivas.

3ª Etapa: inscrição definitiva, sindicância da vida pregressa e investigação social; exame de sanidade física e mental; exame psicotécnico.

4ª Etapa: entrevista e prova oral, sendo somente esta última de caráter eliminatório e classificatório.

5ª Etapa: avaliação/exame de títulos, de caráter meramente classificatório.

Prova objetiva seletiva

Bloco 1 (40 questões): Direito Civil, Direito do Consumidor, Direito Processual Civil, Organização Judiciária, Legislação Processual Civil extravagante em vigor e Direito da Criança e do Adolescente;

Bloco 2 (40 questões): Direito Penal, Direito Processual Penal, Direito Constitucional, Direito Eleitoral e Juizados Especiais Cíveis e Criminais;

Bloco 3 (20 questões): Direito Administrativo, Direito Tributário, Direito Empresarial, Direito Ambiental e Direitos Difusos e Coletivos.

Provas discursivas

Prova discursiva I: Noções Gerais de Direito e Formação Humanística (Sociologia do Direito, Psicologia Judiciária, Ética e Estatuto Jurídico da Magistratura Nacional, Filosofia do Direito e Teoria Geral do Direito e da Política) e disciplinas exigidas na 1ª etapa.

Prova discursiva II: Sentença Cível, envolvendo problemas de Direito Material e Processual.

Prova discursiva III: Sentença Penal, envolvendo problemas de Direito Material e Processual.

Áreas de conhecimento exigidas na entrevista e prova oral

Direito Civil, Direito Processual Civil e Legislação Processual Civil extravagante, Direito Penal, Direito Processual Penal, Direito Constitucional, Direito Administrativo, Direito Tributário e Direito do Consumidor.

Quer se preparar?

Curso | Concurso | Juiz de Direito do Mato Grosso do Sul (TJ/MS) | 2ª Fase | Rodadas de Simulados

Prepare-se de forma eficaz, assertiva e direcionada para a Segunda Etapa – Provas Escritas da 2ª Fase do concurso para Juiz Estadual do Mato Grosso do Sul (TJ/MS), a partir de SIMULADOS elaborados no exato perfil do certame, todos com CORREÇÃO INDIVIDUALIZADA por Juízes de Direito, com foco prioritário nos temas de altíssima probabilidade de cobrança no concurso, enfrentando todas as disciplinas para esta etapa.

Tags relacionadas: