5 dicas de sobrevivência do estudante de Direito - Portal de notícias CERS

5 dicas de sobrevivência do estudante de Direito

Por:
Atualizado em 19/05/2017 - 16:55

aluno-direito-faculdade-calouro

Se você é calouro na universidade, milhares de perguntas sem respostas devem estar pairando pela sua cabeça: será que eu vou gostar? Como devo me comportar? O que eu preciso anotar?

Confira algumas dicas para o primeiro dia de aula, e que poderão ser úteis até o fim da faculdade:

Assim como você, os outros alunos também estão enfrentando o desconhecido. Deixe a timidez de lado, seja amigável, e troque experiências. A faculdade é o momento certo para arriscar, sem medo de errar, e assim aprender de fato.

O ritmo da faculdade costuma ser bem mais acelerado do que no colégio. Então, não se assuste se os professores já recomendarem livros e outros materiais de estudo logo no primeiro dia de aula. Inclusive, não se limite ao que é ensinado pelo professor, busque outras fontes de conhecimento e enriqueça o seu aprendizado.

Em época de prova, você vai descobrir que é impossível estudar para todas as cadeiras ao mesmo tempo. Organize uma rotina de estudos desde o primeiro dia de aula e não deixe acumular matéria. Aproveite para encontrar também a melhor estratégia de estudo, que pode ser bem diferente de como você fazia no colégio.

Você também vai perceber que na faculdade não haverá mais a obrigação de estar em sala de aula. A decisão está em suas mãos. E suas escolhas a partir de agora irão refletir no profissional que você será no futuro.

E para acompanhar as aulas, o básico será suficiente: caneta, lápis, borracha, caderno de dez matérias e o famoso marca-texto. No começo, o Vade Mecum não será necessário, pois a grade curricular será composta de disciplinas introdutórias. A tecnologia pode ser uma aliada a seu favor, tanto para anotar e revisar as aulas quando for preciso com mais facilidade, quanto para encontrar e ler livros de Direito em formato digital.

 

Você pode se interessar por:

Passei no vestibular de Direito: o que fazer?

Dicas e estratégias para a aprovação na OAB

 

Tags relacionadas:

COMENTÁRIOS