Tudo o que você precisa saber para a prova da PC PA - Portal de notícias CERS

Tudo o que você precisa saber para a prova da PC PA

Por:
Atualizado em 09/08/2016 - 14:54

O concurso da Polícia Civil do Pará segue com inscrições abertas até 21 de agosto. O edital oferece 650 vagas para os cargos de delegado (150), investigador (300), escrivão (180) e papiloscopista (20). Os interessados devem se inscrever na página da Funcab e efetuar o pagamento da taxa no valor de R$ 110 ou R$ 140 a depender do cargo pretendido.

Todos os cargos exigem formação de nível superior, com exigência do curso de Direito apenas para delegado.  As remunerações serão de R$ 5.204,05 para investigador, escrivão e papiloscopista; e de R$ 12.250 para delegado, com acréscimo de auxílio alimentação no valor de R$ 650 para todos os cargos.

A prova objetiva será aplicada em 11 de setembro para investigador, escrivão e papiloscopista. A de delegado está prevista para 25 de setembro. O concurso será aplicado nas cidades de Belém, Santarém, Marabá e Altamira.

Sobre o certame, o professor Geovane Moares levantou uma série de dicas e informações importantes sobre a seletiva, essenciais para todos os candidatos. Confira:

Equipe CERS: Qual é o estilo das questões Funcab?

Profº Geovane Moraes: as provas da Funcab são no formato de múltipla escolha, com alternativas de a até e.  

As peças de representação, que estarão presentes na segunda fase da seletiva para o cargo de Delegado, são pleitos que normalmente um Delegado de Polícia pode fazer no transcurso da sua atividade de polícia judiciária.

Equipe CERS: O que vai cair na prova?

Profº Geovane Moraes: o concurseiro precisa ter atenção na divisão das matérias.

INVESTIGADOR e ESCRIVÃO: língua portuguesa, noções de informática, raciocínio lógico, noções de Direito Administrativo, noções de Direito Constitucional, Noções de Direito Penal, Noções de Direito Processual Penal, Legislação Especial e noções de Medicina Legal.

PAPILOSCOPISTA: língua portuguesa, noções de informática, raciocínio lógico, noções de Direito Administrativo, noções de Direito Constitucional, Noções de Direito Penal, Noções de Identificação, noções básicas de química e noções de Medicina Legal.

DELEGADO: língua portuguesa, Direito Administrativo, Direito Ambiental, Direito Civil/Empresarial, Direito Constitucional, Direitos Humanos, Direito Penal, Direito Processual Penal, Medicina Legal e Legislação Especial.

Equipe CERS: Quais são as etapas do concurso e suas peculiaridades?

Profº Geovane Moraes: Sobre as fases do concurso, é preciso saber o seguinte:

Para os cargos de Investigador, Escrivão e Papíloscopista

1ª FASE: Prova Objetiva

Data provável: 11/09, no turno matutino

Duração da prova: 5h

Quantidade de Questões: 80

Tipo da prova: Múltipla escolha (5 alternativas de “A” a “E”).

2ª FASE: Prova de Capacidade Física

a) Teste de Flexo-extensão de cotovelos (Apoio);

b) Teste de abdominal;

c) Teste de corrida de 12 (doze) minutos;

d) Natação.

3ª FASE: Exames Médicos

4ª FASE: Exame Psicológico

5ª FASE: Investigação Criminal e Social

Para o cargo de Delegado

1ª FASE: Prova Objetiva

Data provável: 25/09, no turno matutino

Duração da prova: 5h

Quantidade de Questões: 80

Tipo da prova: Múltipla escolha (5 alternativas de “A” a “E”).

2ª FASE: Prova Discursiva (uma peça processual de representação)

Data provável: 25/09, turno vespertino

Duração da prova: 3h

3ª FASE: Prova de Capacidade Física

a) Teste de Flexo-extensão de cotovelos (Apoio);

b) Teste de abdominal;

c) Teste de corrida de 12 (doze) minutos;

d) Natação.

4ª FASE: Exames Médicos

5ª FASE: Exame Psicológico

6ª FASE: Investigação Criminal e Social

Equipe CERS: Dicas para o Teste de aptidão física

Profº Geovane Moraes: atenção! O TAF do Pará tem natação. O Pará é um Estado entrecortado de rios e algumas das vagas destinam-se a Ilha de Marajó, por isso, é bem razoável que se exija a uma autoridade de polícia judiciária de um Estado com as particularidades e peculiaridades geográficas, como é o caso do Pará.

Quem se prepara para TAF tem que começar desde já! O concurseiro não pode começar a sua preparação física depois que passa na prova objetiva. Isso é um erro. Quem está estudando para Delta ou Alfa, tem que casar o estudo acadêmico, com a preparação física.

Equipe CERS: qual a data ideal para comprar passagem, caso não more no Pará?

Profº Geovane Moraes: eu já vi acontecer várias vezes de ter uma data provável de aplicação da prova no edital e a data ser alterada. Caso você possa, minha recomendação é segurar um pouco a compra da passagem. Espere uma ou duas semanas que esse tipo de mudança é publicada logo.

Equipe CERS: É necessário ter prática jurídica para concorrer a uma das vagas?

Profº Geovane Moraes: não. Embora seja uma tendência hoje nos certames para Delegado de Polícia solicitar três anos de prática jurídica, o concurso da Polícia Civil do Pará não tem esse exigência.

Veja também:

Você pode se interessar por:

O CERS Cursos online escalou uma equipe de professores experientes em concursos para área de polícia e montou um curso de excelência, abarcando todas as disciplinas cobradas para o concurso da POLÍCIA CIVIL DO ESTADO DO PARÁ, durante o qual os professores abordarão os principais pontos de cada disciplina por meio de abordagem teórica e resolução de questões da banca da FUNCAB.

delegado-pc-pa-concurso-2016-curso-online-cerspc-pa-2016-concurso-curso-online-cers

 

Tags relacionadas:

COMENTÁRIOS