Planejamento, Justiça e Fazenda abrem concursos - Portal de notícias CERS

Planejamento, Justiça e Fazenda abrem concursos

Por:
Atualizado em 18/08/2014 - 01:04

Por Ana Laranjeira       
Com informações do G1

Os Ministérios do Planejamento, da Justiça e da Fazenda promovem concursos que, juntos, somam 622 vagas em diversas áreas. Confira detalhes sobre cada uma das seleções:

Ministério da Fazenda     
O Ministério da Fazenda abriu concurso público para 347 vagas em cargos de nível superior, para analista técnico-administrativo (qualquer área de formação), arquiteto, contador, engenheiro e pedagogo.

No site do Diário Oficial da União, é possível ver o edital.

Os salários de analista técnico-administrativo (192 vagas), contador (47 vagas) e pedagogo (19 vagas) são de R$ 3.977,42. Já para arquiteto (31 vagas) e engenheiro (58 vagas) são de R$ 5.081,18.

São 15 vagas na Bahia, 14 no Ceará, 129 no Distrito Federal, 1 no Espírito Santo, 2 no Maranhão, 21 em Minas Gerais, 2 em Mato Grosso do Sul, 2 em Mato Grosso, 17 no Pará, 2 na Paraíba, 14 em Pernambuco, 22 no Paraná, 29 no Rio de Janeiro, 2 no Rio Grande do Norte, 24 no Rio Grande do Sul e 51 em São Paulo.

As inscrições devem ser feitas pelo site www.esaf.fazenda.gov.br das 10h do dia 17 de junho até as 23h59 do dia 30 de junho. A taxa é de R$ 90.

O concurso terá prova objetiva de conhecimentos básicos, prova de objetiva de conhecimentos específicos e prova discursiva.

A prova de conhecimentos básicos terá as disciplinas de língua portuguesa, atualidades, raciocínio lógico-quantitativo, direito constitucional, direito administrativo e informática básica.

Serão convocados, por edital, a ser publicado no Diário Oficial da União, para realização da prova discursiva, todos os candidatos aprovados nas provas objetivas.

As provas objetivas, para todos os cargos, serão aplicadas em dois turnos, na data provável de 1º de setembro, em todas as 27 capitais.

Ministério da Justiça       
O Ministério da Justiça abriu concurso para 125 vagas de nível superior. As vagas são para Brasília.

No site do Diário Oficial da União, é possível ver o edital.

Os cargos são de analista técnico-administrativo (100 vagas), administrador (10 vagas), contador (1 vaga), economista (4 vagas) e engenheiros (área civil – 8 vagas – e elétrica – 2 vagas). O salário é de R$ 5.081,18 para economista e engenheiros e de R$ 3.980,62 para analista técnico-administrativo, administrador e contador.

As inscrições devem ser feitas de 17 de junho a 8 de julho pelo endereço eletrônico http://www.cespe.unb.br/concursos/mj_13. A taxa é de R$ 65.

A seleção terá provas objetivas e prova discursiva, que serão realizadas na cidade de Brasília.

As provas objetivas e a prova discursiva para todos os cargos terão a duração de 4 horas e 30 minutos e serão aplicadas na data provável de 25 de agosto, no turno da manhã. Até a data provável de 15 de agosto, será publicado no Diário Oficial da União edital que informará a disponibilização da consulta aos locais e aos horários de realização das provas.

Ministério do Planejamento    
O Ministério do Planejamento, Orçamento e Gestão abriu concurso para 150 vagas de especialista em políticas públicas e gestão governamental. As vagas são para Brasília. O salário é de R$ 13.402,37.

No site do Diário Oficial da União, é possível ver o edital.

Os candidatos devem ter nível superior em qualquer área de atuação.

As inscrições devem ser feitas de 10 a 23 de junho pelo site www.esaf.fazenda.gov.br. A taxa é de R$ 130.

O concurso será constituído de duas etapas. A primeira terá provas objetivas de conhecimentos básicos e de conhecimentos específicos, prova discursiva, prova de títulos e experiência profissional. A segunda etapa é constituída de curso de formação, a ser realizado em Brasília.

 

As provas objetivas serão aplicadas em dois turnos, na data provável de 11 de agosto, nas cidades de Belém, Belo Horizonte, Brasília, Curitiba, Fortaleza, Porto Alegre, Recife, Rio de Janeiro, Salvador e São Paulo, em dois turnos, na data provável de 11 de agosto.

Tags relacionadas:

COMENTÁRIOS