PF indicia 100 por fraudes em concursos - Portal de notícias CERS

PF indicia 100 por fraudes em concursos

Por:
Atualizado em 18/08/2014 - 01:04

A Polícia Federal (PF) informou nesta quinta-feira que subiu para 100 o número de indiciados por fraude em concursos públicos em todo o País. Até o momento, 120 pessoas prestaram depoimento na Operação Tormenta e outras 80 devem ser ouvidas nos próximos 40 dias.

A operação começou em 16 de junho. Entre os suspeitos identificados, há integrantes da suposta quadrilha e pessoas que tiveram acesso a provas e gabaritos fornecidos pelo grupo.

A investigação começou em um concurso para agente da PF, realizado em 2009. Segundo a polícia, o grupo teve acesso também às provas de 2009 da 2ª fase do Exame da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB) e do concurso da Receita Federal para auditor fiscal, realizado em 1994.

Também estão sob investigação da PF supostas fraudes nos concursos da Agência Nacional de Aviação Civil (Anac), realizado em 2009, e da Agência Brasileira de Inteligência (Abin), aberto em 2008. Ambas as provas foram organizados pelo Centro de Seleção e de Promoção de Eventos da Universidade de Brasília (Cespe-UnB).

De acordo com a PF, o grupo cobrava R$ 50 mil por fraude no concurso da OAB, US$ 50 mil para agente da PF e pretendiam cobrar US$ 150 mil para delegado da Polícia Federal.

 

 

 

Tags relacionadas:

COMENTÁRIOS