Nota de repúdio à agressão contra professores em greve - Portal de notícias CERS

Nota de repúdio à agressão contra professores em greve

Por:
Atualizado em 18/08/2014 - 01:04

Por Ana Laranjeira

Nesta quarta-feira (2), o Conselho Federal da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB) encaminhou ao governador do Rio de Janeira, Sérgio Cabral, moção de repúdio pela violência utilizada pela Polícia Militar contra professores da rede estadual nos últimos dias. Os docentes estão em greve pela reivindicação de melhores condições de trabalho e melhores salários.

 

O presidente da Comissão Nacional de Direitos Humanos da entidade, Wadih Damous, foi quem apresentou a proposta, aprovada com unanimidade pelos demais conselheiros. Damous acredita que a violência policial no Rio de Janeiro ultrapassou todos os limites. “O diálogo ainda é a melhor solução. Os policiais não são jagunços. O papel da polícia é proteger a sociedade”, afirmou o presidente.

Tags relacionadas:

COMENTÁRIOS