Inscrições abertas para MGS e TRT-16 - Portal de notícias CERS

Inscrições abertas para MGS e TRT-16

Por:
Atualizado em 18/08/2014 - 01:04

Por Ana Laranjeira       
Com informações do Correio Braziliense

Começa hoje (18) o período de inscrições para 1.030 oportunidades na Minas Gerais Administração e Serviços (MGS) e no Tribunal Regional do Trabalho da 16ª região (TRT-16), com sede no Maranhão. Confira os detalhes de cada seleção:

MGS
A banca escolhida para elaborar as provas e organizar o concurso foi a Empresa de Seleção Pública e Privada (ESPP). As remunerações iniciais previstas em edital variam de R$ 583 a R$ 4.632 acrescidas de vale alimentação, vale transporte e seguro de vida.

A seleção oferece vagas nos cargos de monitor ambiental, porteiro, vigia, técnico em contabilidade, servente de serviços gerais, viveirista, técnico em telefonia, eletricista predial, engenheiro civil, auditor interno, contador, cirurgião dentista, farmacêutico, médico auditor e médico do trabalho, entre outros. Os novos profissionais terão os contratos regidos pela Consolidação das Leis do Trabalho (CLT).

Os interessados em participar da seleção devem se inscrever até 7 de agosto, por meio do endereço www.esppconcursos.com.br. O custo da taxa de inscrição varia de R$ 25 a R$ 55, de acordo com o cargo pretendido pelo candidato.

Aqueles que não tiverem acesso à internet poderão se inscrever presencialmente nas agências dos Correios listadas no anexo VI do edital de abertura, no mesmo período dado para as inscrições via internet, das 9h às 17h, exceto sábados, domingos e feriados.

A prova objetiva deve ser aplicada no dia 28 de agosto. O local e os horários da avaliação serão disponibilizados juntamente com o cartão de convocação, disponibilizado a partir do dia 22 de agosto. O prazo de validade do concurso público é de dois anos, a contar da data de publicação dos resultados definitivos, podendo ser prorrogado por igual período a critério da MGS.

 

TRT-16
De acordo com o edital de abertura, o salário oferecido é de R$ 21.766. Os candidatos precisam ter formação superior em Direito e no mínimo três anos de atividade jurídica. Eles serão submetidos à prova objetiva no dia 11 de setembro, além de duas provas escritas, prova oral e de títulos.

Quem quiser participar pode se inscrever até 16 de agosto, pelo site www.trt16.jus.br. A taxa de participação custa R$ 100. Os aprovados ainda farão curso de formação em Brasília (DF) na Escola Nacional de Formação e Aperfeiçoamento de Magistrados do Trabalho (Enamat).

Tags relacionadas:

COMENTÁRIOS