Francisco Penante fala sobre a Ad Verum - Portal de notícias CERS

Francisco Penante fala sobre a Ad Verum

Por:
Atualizado em 13/10/2016 - 09:43

A Ad Verum Suporte Educacional nasce com a missão de apoiar os candidatos de concursos públicos e exames profissionais, oferecendo uma série de soluções educacionais personalizadas.

Formada por uma equipe especializada de profissionais, a Ad Verum estará ao lado do candidato desde o início de sua preparação até a aprovação, com as rodadas de simulados e o auxílio para recursos em concursos públicos.

O professor de Direito Empresarial e diretor da Ad Verum concedeu entrevista ao Blog Exame de Ordem e falou, com detalhes, sobre mais um negócio do Grupo CERS. Confira:

Blog Exame de Ordem: como a Ad Verum surgiu e o que ela faz?

Profº Francisco Penante: A Ad Verum surge da necessidade dos candidatos de concursos públicos e OAB por serviços educacionais PERSONALIZADOS. Momentos de preparação diferentes, perfis de pessoas diferentes, carga horária de estudos diferentes, concursos diferentes, histórias de vida diferentes… essa heterogeneidade de situações reclama uma preparação que entenda o momento de cada um. Esse é o DNA da Ad Verum, seja nas rodadas de simulados, na correção de provas ou nos programas de coaching e mentoring.

Blog Exame de Ordem: como é construído o padrão das correções das provas de 2ª da OAB?

Profº Francisco Penante: Não há um padrão. A correção é INDIVIDUALIZADA. O foco é oferecer aos examinandos sólida argumentação, considerando o que cada um escreveu em sua prova, assim como localizar pontos passíveis de recurso para os quais o examinando não despertou. Não trabalhamos com qualquer modelo. A correção é artesanal.

Blog Exame de Ordem: qual o perfil da equipe da Ad Verum?

Profº Francisco Penante: A nossa equipe é muito forte. Ela é formada exclusivamente por professores e advogados públicos e privados reconhecidos no mercado.

Blog Exame de Ordem: qual a taxa de sucesso nos recursos?

Profº Francisco Penante: No último certame (XIX Exame de Ordem), 31% (trinta e um por cento) dos examinandos que tiveram suas provas corrigidas pela Ad Verum obtiveram aprovação. A nossa obsessão nesse momento é ampliar esse percentual no XX Exame de Ordem. E temos razões para acreditar que isso é possível. Após detida análise do padrão de resposta preliminar da banca examinadora, identificamos uma série de teses passíveis de sustentação. Vamos superar esse índice no XX Exame e ajudar milhares de alunos a conseguirem a sua aprovação.

Blog Exame de Ordem: como foi feedback você tirou de correções passadas?

Profº Francisco Penante: Sentimos não pode haver ajudado mais examinandos na última edição do Exame. Isso porque tivemos que fechar a contratação de novas correções, pois estávamos determinados a não sobrecarregar a nossa equipe. A qualidade da correção de cada prova é um imperativo categórico na Ad Verum. O nosso foco estava e está na qualidade e não na quantidade. Ainda assim, centenas de pessoas nos procuraram e não pudemos atende-las. Isso gerou um certo incomodo. Por isso, para o XX Exame, aperfeiçoamos o nosso sistema e ampliamos a nossa equipe, com vistas a evitar que aquilo se repita. Ainda assim, trabalharemos com VAGAS LIMITADAS, pois não vamos ampliar a equipe e perder em qualidade. Queremos na Ad Verum apenas os melhores, pois o nosso trabalho é artesanal.

Saiba mais: http://adverum.com.br/

Tags relacionadas:

COMENTÁRIOS