Dicas para concurseiros de primeira viagem - Portal de notícias CERS

Dicas para concurseiros de primeira viagem

Por:
Atualizado em 18/08/2014 - 01:04

Por Ana Laranjeira

Juntar as economias, vestir os sapatos e colocar a mochila nas costas. Os primeiros passos de um concurseiro de primeira viagem podem mesmo parecer uma verdadeira aventura. Esse caminho se inicia com muitas dúvidas e precisa de direcionamento. Por onde começar? Como escolher a seleção que devo participar? Quais os pré-requisitos para adentrar no mundo dos concursos?

Uma das etapas importantes é achar, ler e interpretar os editais. A fiscal de rendas do Rio de Janeiro, Lia Salgado, em sua coluna semanal no G1, indica que o internauta utilize um site de busca na internet e, se ele souber qual foi a instituição (banca examinadora) que elaborou a prova, é possível encontrar todos os editais diretamente na página da organizadora.

Entender este edital é outro ponto importante. No momento da leitura, é preciso observar os cargos, o salário, o número de vagas e a localidade, para saber se o concurso realmente interessa ao candidato. Escolhido o concurso e avaliado o edital, é hora de ver se você se enquadra nas vagas oferecidas. Qual o cargo oferecido? Defina seu objetivo de vida e reflita se aquela determinada função realmente lhe parece atraente, pois ser servidor público é uma profissão como qualquer outra, com atividades diárias que precisam de empenho, tempo e vontade.

Qual o nível de escolaridade exigido? O cargo é compatível com a sua formação? Você pode fazer concurso que desejar, desde que verifique as datas para convocação.” Você só vai precisar comprovar sua escolaridade quando for convocado para ser contratado”, explica Lia. A colunista lembra que o concurso público passa por várias etapas como a publicação do edital, a aplicação das provas, a apresentação dos recursos, a homologação do concurso, e somente depois de tudo isso acontece a nomeação. Portanto, se até a data de convocação e apresentação dos documentos você concluir a formação exigida, pode realizar inscrição.

Nível Médio      
Vários concursos de nível médio estão em processo de seleção, entre os exemplos, concursos para bancos, como Banco do Brasil e Caixa Econômica, para cargos administrativos, como Ibama, Agência Nacional de Água (ANA) e Ministério da Fazenda, e para tribunais.

No caso de bancos, Lia lembra que existe um grupo de matérias que a internauta pode estudar antecipadamente. Ela indica a leitura da coluna sobre dicas de estudo para concursos de bancos.

Para cargos administrativos, as matérias básicas são: português, direito constitucional, direito administrativo, informática e raciocínio lógico. A especialista ressalta que essas disciplinas  também podem ser o grupo de matérias básicas para os cargos de nível médio em tribunais.

Depois disso tudo, Lia lembra que a internauta deve complementar sua preparação, incluindo disciplinas de acordo com o concurso que ela vai prestar.

Tribunais 
Para que está começando agora e já vai fazer uma prova, a colunista sugere priorizar as matérias comuns a outros concursos de tribunais e também resolver muitas provas anteriores da banca que vai fazer o seu concurso. É possível que, em alguns casos, o internauta consiga acessar o material diretamente no site da organizadora.

Caso não seja aprovado, a especialista lembra que ele deve continuar estudando para estar bem preparado quando um novo edital for divulgado.

Tags relacionadas:

COMENTÁRIOS