Correios ressarcirão taxas do concurso de 2009 até o dia 30/06 - Portal de notícias CERS

Correios ressarcirão taxas do concurso de 2009 até o dia 30/06

Por:
Atualizado em 18/08/2014 - 01:04

Por Ana Laranjeira

Concurseiros prejudicados com o cancelamento do concurso da Empresa de Correios e Telégrafos (ECT), divulgado em 2009, têm até o dia 30 de junho para reaver o dinheiro gasto com a inscrição no certame. Cerca de 118 mil candidatos se cadastraram para participar da seleção que oferecia 6.565 vagas de níveis médio e superior, e pagaram o valor da taxa de participação, que variou entre R$ 30 e R$ 60. Agora este valor poderá ser recolhido em qualquer agência dos Correios até a data prevista.

Para tanto, é necessário apresentar documento oficial de identidade com foto e informar o número do CPF. A ECT informou que o valor da taxa de inscrição não será aceito em novos concursos realizados pelos Correios. Informações adicionais podem ser obtidas pela Central de Atendimento dos Correios, nos telefones 3003 0100 (para capitais e regiões metropolitanas) e 0800 725 7282 (para demais localidades).

Entenda o processo 
Em 2009, os Correios lançaram edital para seleção pública que ofereceu 6.565 oportunidades e cadastro reserva – uma média de 162 candidatos por vaga. Os salários iniciais variaram de R$ 706,48 a R$ 3.431,06. No período de inscrição, foram registrados 1.064.209 de interessados.

Mas em dezembro de 2010, diante de uma série de irregularidades (como a não contratação de uma banca organizadora), o órgão decidiu cancelar o certame cerca de um ano após a publicação do edital de abertura, alegando em nota oficial que o concurso fora revogado em virtude da distribuição das vagas por localidade, que ficou desatualizada “em função do tempo decorrido desde a publicação do edital”.

Tags relacionadas:

COMENTÁRIOS