Candidatos vão passar o carnaval estudando - Portal de notícias CERS

Candidatos vão passar o carnaval estudando

Por:
Atualizado em 18/08/2014 - 01:04

Por Ana Laranjeira       
Fonte: G1

Se para muitas pessoas o carnaval é sinônimo de folga e descanso, alguns candidatos vão aproveitar os dias de folia para estudar e tentar a aprovação em concursos públicos. Provas de órgãos importantes como a Casa da Moeda do Brasil, Tribunal de Justiça do Estado do Rio de Janeiro e Senado Federal estão marcadas para o mês de março. Para abril, já estão definidas as datas do exames da Companhia Integrada Têxtil de Pernambuco e do Tribunal de Justiça de Minas Gerais.

Fernanda Guimarães, de 29 anos, pretendia aproveitar o feriado para descansar. Ela já tinha comprado um pacote de viagem para passar o carnaval na cidade de Barra de São João, no norte do Rio de Janeiro, mas com a divulgação do edital do concurso do Tribunal de Justiça do Estado do Rio de Janeiro, com prova marcada para o dia 11 de março, seus planos mudaram. “Já tinha pagado a viagem. Vou levar meus livros, mas tenho consciência que os estudos não vão render como deveriam, mas isso aconteceu porque o edital foi publicado de forma inesperada”, conta.

Depois de se preparar por dois anos para a prova do Ministério Público, Fernanda já tinha programado as “férias” e depois voltaria para o cursinho. “Vou levar meu iPod para ver os vídeos das aulas. Na hora em que meus amigos estiverem dormindo vou aproveitar para rever os conteúdos”, completa.

Enquanto alguns dividem o tempo entre a folia e a preparação, o estudante de direito Denilson do Carmo, de 23 anos, já planejou até quais matérias vai rever nos dias de folga. “Já fiz um quadro de estudos para o carnaval. Vou estudar português, matemática, direito administrativo, direito constitucional, processo civil, processo penal e informática e realizar muitos exercícios.”

Ele se prepara as provas da Casa da Moeda do Brasil, em 4 de março, da Indústria do Material Bélico, no dia 18 de março, e do Tribunal Regional Federal da 2ª Região (Rio de Janeiro e Espírito Santo), em 25 de março. Carmo estudava para os concursos há um ano e também fez o exame do Ministério Público. “Já esperava esses editais e todos saíram juntos. Minhas aulas na faculdade vão voltar em março e tenho que aproveitar esse feriado prolongado para estudar”, diz.

Estudar ou não?

Os candidatos que já têm prova marcada ou edital publicado devem aproveitar para rever as matérias. “É um excelente período para se concentrar nos estudos, principalmente para quem trabalha e tem pouco tempo para se dedicar. É importante lembrar que o carnaval acontece todos os anos e depois ele poderá aproveitar com o seu cargo público garantido e isso será bem mais divertido do que a culpa de não ter se dedicado”, ressalta Alexandre Maia, psicólogo especializado em concursos e autor do livro “Preparo Emocional para Passar em Provas e Concursos”.

Para quem não quer deixar a folia de lado, mas também não pode parar de estudar, os especialistas recomendam que os candidatos separem parte do período para os concursos e outra para o carnaval. “Primeiro estude e deixe para se divertir nos últimos dias, porque é muito difícil curtir o feriado nos primeiros dias e depois se concentrar sabendo que as festas estão acontecendo”, fala Maia.

E para não correr o risco de perder o foco, Maia avisa: “fale para os seus familiares e amigos que você estará estudando e que isso é muito importante para você. Caso eles não entendam, diga que você falará com eles somente após o carnaval.”

Estudo só depois do carnaval

Enquanto alguns candidatos vão aproveitar para manter a rotina de estudos, outros decidiram pular o carnaval sem culpa. Esse é o caso de Ariadne Leone, de 26 anos, que vai descansar para recarregar as baterias e começar o cursinho preparatório em março.

“Vou descansar para depois voltar firme nos estudos. Além do curso à noite também vou rever os conteúdos em casa”, conta. Ela vai fazer a prova de auditor fiscal da Receita Federal, que ainda não teve edital publicado. O concurso está previsto para este ano.

Ariadne é formada em administração de empresas e presta concursos há quatro anos. Ela sempre estudou em casa e resolveu investir em um cursinho para ter uma preparação mais sólida. Ela prestou concurso para a Caixa Econômica Federal, Petrobras, Banco do Brasil, Receita Federal e Ministério Público da União. “Procurava estudar duas horas por dia, mas tem sempre um amigo que liga convidando para sair ou para tomar uma cerveja e no cursinho você cria uma rotina com disciplina.”

Annete Perorazio, de 29 anos, vai viajar para a região dos Lagos, no Rio de Janeiro, e colocou os livros na bagagem, mas ela não pretende só estudar durante o carnaval. “Vou aproveitar a praia e fazer alguns programas com os amigos”, revela. A candidata está se preparando para o concurso do Tribunal Regional Federal do Rio de Janeiro, que ainda não teve o edital divulgado, e diz que vai rever algumas matérias teóricas e questões de provas anteriores.

Há quatro anos estudando, ela começou a preparação fazendo cursinho e hoje estuda sozinha. “No começo era difícil porque eu sempre gostei muito de sair e com o tempo fui adquirindo disciplina e consigo me divertir também”, afirma.

Tags relacionadas:

COMENTÁRIOS