Após descumprir cota, empresa jornalística fará campanha para contratação de pessoas com deficiência - Portal de notícias CERS

Após descumprir cota, empresa jornalística fará campanha para contratação de pessoas com deficiência

Por:
Atualizado em 18/08/2014 - 01:04

Ação civil pública ajuizada pelo procurador do Trabalho Ivo Eugênio Marques contra a empresa Jornalística Caldas Júnior Ltda., de Porto Alegre (RS), em razão do não-cumprimento da cota de contratação de pessoas com deficiência prevista em lei originou, entre outras obrigações, o compromisso de promover uma campanha publicitária para inclusão dessas pessoas no mercado de trabalho.

Além da campanha, que será lançada oficialmente hoje (7) e veiculada pelo jornal Correio do Povo, a empresa está desenvolvendo um programa de inclusão chamado "Fazendo a Diferença", no qual estão previstas ações para a promoção e a manutenção de vagas para pessoas com deficiência.
 
Fonte: Assessoria de Comunicação Social da Procuradoria Regional do Trabalho da 4ª Região (Rio Grande do Sul)

Tags relacionadas:

COMENTÁRIOS