A dieta ideal para todo concurseiro - Portal de notícias CERS

A dieta ideal para todo concurseiro

Por:
Atualizado em 18/02/2016 - 20:48

Você está estudando, quando, de repente, você escuta um som terrível, quase ensurdecedor! Seria um ataque? Um furão?  Ou um vulcão em erupção? Nenhuma das anteriores. Se você é concurseiro, sabe do que eu estou falando: FOME.

É comum que os candidatos, durante a sua preparação, ganhem, além de conhecimento, uns quilinhos. Alguns estudos indicam que em 1 hora de estudo você gasta cerca 160 kcal, por isso, durante uma tarde de estudos você sente uma fome insaciável.

Para a alegria dos concurseiros, existem alguns alimentos que aumentam sua produtividade nos estudos, deixando-o mais disposto, atento e saciado na sua preparação. Afinal de contas, você só que passar no concurso e não passar do peso, não é?

Na dieta ideal para quem está estudando para concurso não pode faltar:

MUITA água

Uma das primeiras consequências da falta de hidratação é a falta de concentração, causando também a fadiga e dificultando a memorização. Pesquisas médicas indicam que o ser humano precisa de 1,5 a 2 litros de água por dia para manter o corpo bem-hidratado. Além do benefício físico dessa prática, o concurseiro que bebe muita água tem um benefício mental: o cérebro necessita de uma quantidade de oxigênio para funcionar bem, e beber água ajuda na oxigenação desse órgão.

Peixes e frutos do mar

O salmão, a sardinha e o atum, por exemplo, são alimentos ricos em ômega 3, ácidos graxos e DHA, fundamentais para o bom funcionamento do cérebro. Uma boa dica é consumir esses alimentos três vezes por semana ou até consumir um suplemento do óleo do peixe para potencializar os estudos. O ômega 3 ativa a memória, auxilia nos processos cognitivos e favorece a transmissão dos impulsos nervosos. Se você tem alergia a peixes e frutos do mar, outros alimentos também são bons para a memória: ovos, castanhas-do-pará, nozes e peru.

Carboidratos

Uma alimentação balanceada que contenha carboidratos também contribui para o melhor raciocínio e aprendizagem. É importante o concurseiro comer carboidratos em três refeições diárias, com um intervalo máximo de quatro horas. Os carboidratos estão presentes nos pães, biscoito, massas, frutas; tais alimentos vão dar maior energia para durante os estudos porque irão enviar nutrientes para as células do cérebro.

Atenção! Existem carboidratos que devem ser evitados pelos candidatos, tais como: frituras, balas e doces. Carboidratos simples não ajudam os candidatos.

Morangos

Poucos concurseiros sabem, mas a ingestão de morangos estimulam os mecanismos cerebrais de armazenar memória a longo prazo.

 

Confira também:

Você pode se interessar pelo seguinte conteúdo:

CURSOS DE LANÇAMENTO 2016 – com 25% de desconto

COMBO – CURSO PREPARATÓRIO PARA CARREIRA JURÍDICA – MÓDULO I + LEGISLAÇÃO PENAL ESPECIAL

Tags relacionadas:

COMENTÁRIOS