10 conteúdos de Português que todo concurseiro precisa saber - Portal de notícias CERS

10 conteúdos de Português que todo concurseiro precisa saber

Por:
Atualizado em 16/02/2016 - 19:32

Aos concurseiros de plantão, vai o recado da professora Maria Augusta: "no conteúdo de Língua portuguesa, tudo é importante". Mas, calma! Nada de pânico. De acordo com a professora, as bancas priorizam determinados pontos, os quais devem estar sempre presente na preparação de qualquer candidato. Podemos escolher alguns desses pontos a que vocês devem dar especial atenção. São eles: acentuação/crase, regência verbal e nominal , concordância verbal e nominal, pontuação, semântica das conjunções e preposições. Aí vão algumas dicas importantes da disciplina. Leia-as com atenção e intensifique os seus estudos:

Não se esqueça de que um termo regido por preposição não poderá exercer a função de núcleo de um sujeito. Portanto, observe a frase: “Mesmo antes dessa crise começar, a população vivia insegura”.

Certa ou Errada?   ERRADA!

Veja que o sujeito da primeira oração é ESSA CRISE. Logo, não se pode unir a preposição DE ao pronome ESSA . A forma correta é “Mesmo antes DE ESSA crise começar, ….”

Um dos assuntos também muito cobrados pelas bancas é articulação entre tempos e modos verbais. Atenção!

Existem várias correlações, entretanto as mais cobradas são:

1)futuro do presente do Indicativo + futuro do Subjuntivo:

Ex.: Eles receberão os documentos de volta quando trouxerem os livros.

2)futuro do pretérito do Indicativo + Imperfeito do Subjuntivo

Ex.: Eles receberiam os documentos quando trouxessem os livros.

3)presente do Indicativo + presente do Subjuntivo

Ex.: Eles agem assim para que consigam vencer.

Muita atenção à conjugação dos verbos MEDIAR , ANSIAR , REMEDIAR , INTERMEDIAR , INCENDIAR , ODIAR! Eles não são regulares. Apresentam o ditongo EI no Presente do Indicativo e no Presente do Subjuntivo, nas pessoas EU , TU , ELE e ELES.

Veja: eu medeio /que eu medeie ; eu anseio / que eu anseie ; eu remedeio / que eu remedeie ; eu intermedeio / que eu intermedeie ; eu incendeio / que eu incendeie ; eu odeio / que eu odeie.

Nada de dizer “Eu remedio a situação”, “Eu ansio” , “Eu intermedio”, ok?

As questões de Conjugação verbal da FCC cobram sempre derivados de TER , de PÔR e de VIR, portanto, estude-os. Se souber a conjugação completa desses três verbos, saberá conjugar os derivados.

Veja: Se eles se MANTIVEREM calmos, tudo se resolverá. (derivado de ter)

Quando elas INTERVIEREM, a situação voltará ao normal. (derivado de vir)

Ainda que se DISPONHAM a mudar, não será fácil. (derivado de pôr)

Observe a grafia das seguintes palavras:

OJERIZA , ABSCESSO , CONDESCENDENTE , DECÊNCIA , HOMBRIDADE , HARAS , ÔNUS , HILÁRIO , OMISSO , MACIÇO , PREMISSA , DESLIZE , ACINTE , PRETENSIOSO , IMERSÃO , INSERÇÃO , COERÇÃO , OBSÉQUIO , CAXUMBA , CACHIMBO , APETRECHO , AQUIESCÊNCIA , EXÍGUO 

Atenção! Em frases como estas , todas as formas são igualmente corretas:

1)A cidade DE QUE / DA QUAL / DE ONDE vêm aqueles doces fica no interior. 

2)A região A QUE / À QUAL / AONDE me dirigi era fria.

3)As joias DE QUE / DAS QUAIS ela tanto se orgulha são raras.

4)Os motivos POR QUE / PELOS QUAIS brigaram foram banais.

5)As obras A QUE / ÀS QUAIS me dediquei foram grandiosas.

Atenção!

Não diga “Eu formei este ano”. O correto é “Eu me formei este ano”.

Não diga “Ele apaixonou pela vizinha”. O correto é “Ele se apaixonou pela vizinha”.

Não diga “Eu não tive outra alternativa”. O correto é “Eu não tive alternativa”.

Atenção!  SENÃO e SE NÃO

Senão ele, quem poderá substituir o pai?  =  a não ser , com exceção de

Não temos nenhum senão a comentar sobre a atuação do árbitro. = algo ruim

Se não chover, iremos à praia. = Caso não

Eles virão se não houver greve. = Caso não

Atenção a alguns conectivos! Observe os conectivos CONQUANTO , A DESPEITO DE , POSTO QUE , NÃO OBSTANTE

A despeito da queda de temperatura , não desistiram da viagem.

Conquanto a temperatura tivesse caído muito, não desistiram da viagem.

Não obstante a falta de verba, fariam a reforma na escola.

Posto que faltasse verba, fariam a reforma na escola.

Observe que após CONQUANTO e POSTO QUE fez-se necessário o verbo. Após a despeito de e não obstante, usou-se substantivo.

Como fazer a colocação pronominal com verbo no infinitivo?

Veja:   Receber amigos em casa é um prazer.

             Recebê-los em casa é um prazer.

             Não administrar o tempo prejudica o candidato.

             Não administrá-lo prejudica o candidato. OU

             Não o administrar prejudica o candidato.

E então você pergunta: “Advérbios não são elementos atrativos?”

Por que posso escrever “Não administrá-lo”?

LEMBRE-SE DE QUE O INFINITIVO SEMPRE ACEITA ÊNCLISE! Mesmo que tenhamos o elemento atrativo (NÃO), podemos usar a ênclise, ok?

Outro exemplo:  Nunca praticar a empatia é péssimo. Nunca praticá-la OU Nunca a praticar.

A professora Maria Augusta Almeida é Graduada em Letras (Português –Alemão) pela Universidade do Estado do Rio de Janeiro – UERJ.  Graduada em Língua Inglesa – SBCI (Sociedade Brasileira de CulturaInglesa). Graduada em Língua Italiana – IIC (Instituto Italiano de Cultur a). Professora de Língua Portuguesa para concursos públicos há mais de 15 anos. Professora de Língua Portuguesa da EMERJ – Escola da Magistratura do Estado do Rio de Janeiro. Professora de Língua Portuguesa da FESUDEPERJ – Fundação EscolaSuperior da Defensoria Pública do Estado do Rio de Janeiro. Professora de Língua Portuguesa da FEMPERJ – Fundação Escola Superior do Ministério Público do Estado do Rio de Janeiro. Professora de Língua Portuguesa do CERS Cursos Online.  Professora de Língua Portuguesa do CEPAD. Professora de Língua Portuguesa do CEGM – Centro de Estudos Guerra de Moraes.  Professora de Língua Portuguesa do Curso Jurídico – Curitiba. Professora de Língua Portuguesa do Curso Reta de Chegada. Professora de Língua Portuguesa do Curso FORUM. Professora de Língua Portuguesa do Curso Aprimore. Colaboradora da Folha Dirigida. Ex-professora de Língua Portuguesa da ACADEPOL. Ex-professora de Língua Inglesa e de Língua Alemã do Curso CLC – CEPUERJ.

Leia também: Esperar e Esperançar: qual a diferença?

Oportunidades 2016: concursos abertos

Dica de Português: coesão com o pronome relativo QUE                      

Língua Portuguesa para concursos de fiscal

Você pode se interessar por:

CURSOS DE LANÇAMENTO 2016 

Tags relacionadas:

COMENTÁRIOS