06 dicas para sair da zona de conforto - Portal de notícias CERS

06 dicas para sair da zona de conforto

Por:
Atualizado em 20/07/2016 - 17:39

zona-de-conforto-dicas-como-sair

Diariamente, somos irresistivelmente seduzidos pela famosa "zona de conforto". Ela nos dá uma falsa sensação de que está tudo bem, mas cuidado com essa fascinante armadilha! Ela provavelmente será desastrosa para a sua carreira.

A zona de conforto é nossa tendência a fazer o que é fácil, cômodo e conhecido, sem intenção de interromper ciclos viciosos e improdutivos ou de começar algo novo ou desafiador, que demande autodisciplina, motivação e comprometimento. Ceder aos seus encantos significa manter-se na inércia.

Segundo a consultora de recursos humanos e professora do CERS Corporativo, Larissa Araújo, o mercado por si só já está tirando todo mundo da zona de conforto, mas você deve fazer a sua parte.

“O mercado exige um profissional com autoconhecimento, automotivação e autogestão. Chegou um momento em que ele não pode estar na dependência da organização. O profissional deve criar a sua própria carreira e o seu diferencial. Não dá mais para ficar no vitimismo”.

Então, levanta a poeira e comece agora mesmo a se mexer!

 

1. Não pare de estudar

Você pode não perceber, mas tem muita coisa acontecendo ao seu redor. Que tal descobrir novas atividades, ramos de atuação, projetos esperando para serem colocados em prática? Não pare de estudar! O aprendizado contínuo é que deixará você constantemente em movimento. Podem ser cursos de especialização, atualização, extensão, ou apenas uma leitura. Conhecimento amplia os horizontes e permite você enxergar além da sua rotina.

2. Construa bons relacionamentos

Não nascemos para viver isolados. Não se renda a desculpa de falta de tempo para tudo. Bons relacionamentos contribuem para ter apoio no crescimento profissional e amadurecimento pessoal. Mantenha seu network sempre conectado, troque ideias e experiências.  Sempre tem alguém que pode lhe ajudar e contribuir para a sua melhoria pessoal e profissional.

3. Tenha um momento para você

Está operando apenas no automático? Pare um pouco e dedique mais tempo para você. Isso não significa dormir a tarde inteira ou ficar de bobeira. Mas ler um livro, assistir aquela série que você tanta gosta, cuidar do corpo e mente. Antes de tudo você precisa se valorizar e estar bem consigo mesmo. Pratique esportes e tenha tempo livre para o lazer e para a família. Você irá precisar de energia e disposição para iniciar seus projetos.

4. Seja comprometido

Está sem vontade de fazer? Faça sem vontade mesmo. O senso de responsabilidade deve estar em primeiro lugar. Nem sempre estamos com motivação para fazer algo, mas a sensação de dever cumprido é a garantia que ainda estamos no jogo.

5. Faça você mesmo

A empresa não oferece benefícios nem condições para fazer o bem o seu trabalho? Não espere. Você pode até não ter culpa, mas o problema também é seu, pois está impactando no seu desempenho. Então, ao invés de buscar culpados, busque solução. O lema é não se acomodar.

6. Autoconhecimento

De casa para o trabalho, do trabalho para casa. Você sabe onde está, mas sabe aonde quer chegar? É preciso criar uma ponte e transformar ideias em ação. Com um planejamento, você pode traçar as etapas necessárias para chegar ao seu objetivo. Mas para isso, você precisa primeiro identificar o seu perfil. Afinal, se tornar chefe pode não ser sinônimo de sucesso profissional para alguns. O que significa qualidade de vida, satisfação pessoal e reconhecimento profissional para você? Descubra as suas próprias respostas e siga uma carreira de sucesso.

 

Você pode se interessar por:

cers-corporativo-cursos-qualificação

CURSOS DE EXTENSÃO E ATUALIZAÇÃO – CERS CORPORATIVO

Gestão de Tempo e Produtividade | Desenvolvimento de Lideranças | Português Jurídico | Prosperando na Carreira Pública | Ganhando mais – aumente suas vendas | E muito mais!

Tags relacionadas:

COMENTÁRIOS